Decoracao Gastando Pouco Passo A Passo Para Pintar Paredes

Decoração gastando pouco: passo a passo para pintar paredes!

O isolamento social proporcionou mais tempo extra dentro de casa e a vontade de renovar ambientes apareceu para muita gente. Se você também foi uma dessas pessoas, saiba que você pode fazer uma decoração gastando pouco com algo bem simples, como pintar uma parede de um cômodo.

A melhor parte é que você pode fazer essa mudança sozinho e ainda garante uma renovada na casa sem precisar gastar muito. Para conseguir um resultado satisfatório, é importante seguir algumas orientações, por isso criamos um passo a passo de como pintar paredes especialmente para você!

Quer descobrir como pintar paredes? Então é só continuar a leitura deste post e seguir as nossas dicas para garantir um resultado perfeito!

Como pintar paredes?

Pintar paredes pode parecer uma mudança muito pequena, mas acredite, faz muita diferença! A pintura é capaz de trazer vida nova a qualquer ambiente e vai contribuir para criar aquela sensação de aconchego na casa. 

Além de renovar o espaço, você também pode aproveitar o momento para se divertir e fazer alguma coisa diferente na quarentena. A ideia é deixar a sua casa ainda mais com a sua personalidade.

Com alguns passos simples você consegue pintar paredes de forma bem prática e o processo é bem mais fácil do que você imagina. Antes de compartilharmos o passo a passo com você, vamos passar uma lista dos materiais que serão necessários para realizar a pintura. 

Materiais necessários

  • Lixas
  • Tinta de sua preferência
  • Fita crepe
  • Rolo e pincel para pintura
  • Bandeja para aplicação de tinta
  • Desempenadeira
  • Espátula
  • Massa corrida caso precise fechar buracos ou rachaduras

Materiais separados, é hora de colocar a mão na massa! Confira o passo a passo para pintar paredes:

Passo 1: Prepare o espaço

Antes de qualquer coisa, você precisa organizar e preparar o espaço em que a pintura será realizada. Para isso, retire os móveis ou afaste-os das paredes e cubra-os com plástico ou até mesmo com um lençol para que a tinta não respingue e acabe os manchando.

Depois, forre o chão com plástico ou jornal para evitar os respingos no piso também. O último passo da preparação é colocar fitas adesivas nas molduras das janelas e das tomadas para não pintá-las durante o processo. 

Passo 2: Lixe as paredes

Com tudo organizado, protegido e isolado, é hora de preparar as paredes para receber a pintura. Se a parede estiver em bom estado, o primeiro passo para isso é lixar a superfície, garantindo que ela fique bem lisa.

Caso seja necessário, você pode fazer outros ajustes antes de partir para a etapa de lixamento. Se a sua parede estiver descascando, faça uma raspagem com o auxílio da espátula antes de lixar. 

Passo 3: Corrija imperfeições

Depois de fazer essa preparação prévia da parede, o último passo antes de realmente iniciar a pintura é aplicar a massa corrida para corrigir imperfeições. Furos e rachaduras devem ser cobertos com a ajuda da desempenadeira e de uma espátula, caso necessário. 

Lembre-se de deixar o produto secar conforme as orientações do fabricante antes de iniciar a pintura. Lixe a superfície novamente e pronto: é hora de aplicar a tinta!

Passo 4: Comece a pintar!

Com tudo preparado, é hora de aplicar a tinta que você escolheu para renovar o ambiente. Nós vamos explicar melhor alguns detalhes para garantir uma pintura perfeita mais a frente, mas vamos adiantar pontos importantes agora.

Antes de começar a pintar, leia com atenção as orientações do fabricante na lata sobre a diluição da tinta e misture o produto seguindo essas instruções. Coloque uma quantidade de tinta na bandeja, molhe o rolo e comece a pintar fazendo movimentos de vai e vem uniformes, repetindo até que toda a superfície esteja coberta.

Se precisar aplicar mais uma demão, lembre-se de deixar o produto secar e depois faça os mesmos movimentos para garantir a cobertura completa da parede, evitando as falhas. 

Dúvidas frequentes sobre a pintura

Não há dúvidas de que a pintura é uma excelente técnica para quem deseja decorar gastando pouco, mas não basta apenas sair pintando as paredes de qualquer jeito: é preciso se atentar aos detalhes para conseguir um bom resultado.

Já compartilhamos o passo a passo e falamos um pouco sobre o manuseio do pincel para garantir uma boa cobertura, mas vamos esclarecer outras dúvidas muito comuns sobre o processo para te ajudar. Anote essas dicas:

1. Como usar o pincel e o rolo?

O movimento de vai e vem vai te ajudar a cobrir toda a superfície, como já falamos por aqui, mas é importante manter a uniformidade para evitar manchas. Vale lembrar que um cabo extensor para o rolo pode ajudar a pintar os pontos mais altos e o item é essencial caso for pintar o teto também.

O pincel deve ser utilizado para os cantos e bordas de janelas, portas, tomadas e rodapés – pontos que exigem mais precisão na pintura. Se as marcas das cerdas ficarem aparentes, não se preocupe: as demãos de tinta irão cobrir e tudo vai ficar homogêneo ao final do processo!

2. Por onde devo começar?

Isso fica por sua conta, a única dica aqui é sempre começar pelo teto caso você decida pintá-lo também. Depois você pode passar para as paredes, pintar as bordas de portas, janelas e finalmente os rodapés. 

3. Quantas demãos são necessárias?

Normalmente duas demãos são o suficiente para cobrir toda a superfície de forma homogênea, mas nada impede que você aplique outras demãos caso ainda não tenha conseguido a cobertura desejada. 

Apenas lembre-se de esperar a tinta secar antes de aplicar uma nova demão. Esse tempo normalmente é de quatro horas, mas também pode variar de um produto para outro, por isso leia sempre as orientações da lata com atenção. 

Decoração gastando pouco: renove ambientes com essas dicas extras!

É isso mesmo: além de compartilhar um passo a passo para pintar paredes, nós também temos algumas dicas extras para você criar uma decoração gastando pouco e deixar a sua casa ainda mais incrível!

Então vamos às dicas: 

1. Faça uma parede de destaque

Ainda no campo da pintura, a dica é aplicar a tinta em apenas uma parede, criando assim um ponto de destaque no cômodo. Você pode colocar uma cor mais viva em contraste com as outras paredes em tons neutros, por exemplo. 

Os revestimentos também podem ser uma boa alternativa: é possível encontrar materiais com excelente custo-benefício.

2.  Papel de parede é uma opção econômica

Aplicar papel de parede também é uma ótima forma de renovar um cômodo sem precisar desembolsar muito dinheiro. Essa é uma ideia bem prática e você pode encontrar uma variedade enorme de estampas, cores e texturas nas lojas.

3. Acrescente quadros 

Fazer uma combinação de quadros na parede faz toda a diferença na decoração e também pode ser feito de maneira bem econômica. Além de ser possível encontrar diversos produtos com bom preço no mercado, você pode usar algumas técnicas de DIY e fazer tudo sozinho.

O Do It Yourself, ou Faça Você Mesmo na tradução em português, virou uma grande tendência e hoje a internet é cheia de inspirações para te ajudar a criar decorações incríveis. Com os quadros, por exemplo, você pode pintar ou ainda imprimir imagens e fazer molduras diferenciadas. 

Viu só como é possível aproveitar o tempo livre na quarentena para renovar a sua casa? Agora é hora de colocar em prática as nossas dicas e criar uma decoração incrível sem gastar muito!


Rolar para cima