Vantagens de comprar um imovel com o MCMV

Vantagens de comprar um imóvel com o Casa Verde e Amarela

O sonho da casa própria pode parecer distante para muita gente, mas com a criação do programa Casa Verde e Amarela a conquista do seu primeiro apê ou casa ficou muito mais fácil! Isso graças às condições de pagamento especiais que a iniciativa do Governo Federal oferece.

O programa habitacional é uma ótima opção para quem deseja fazer este investimento sem ter grandes complicações para pagar o valor da parcela do financiamento imobiliário, mas será que você conhece bem o substituto do Minha Casa, Minha Vida? 

Se você quer entender as mudanças e conhecer as principais vantagens de comprar um imóvel com o Casa Verde e Amarela, continue a leitura deste post exclusivo com a gente!

Como comprar um imóvel com o Casa Verde e Amarela?

Para conseguir um financiamento imobiliário por meio do programa Casa Verde e Amarela você precisa preencher alguns requisitos e apresentar as documentações determinadas para comprovar dados, como a sua renda mensal.

As condições facilitadas para o programa são o grande diferencial em relação a outras linhas de crédito imobiliário disponíveis no mercado. Dentre elas, o prazo estendido, as taxas de juros mais baixas e as parcelas que cabem no seu bolso são destaque.

O Casa Verde e Amarela chegou para substituir e otimizar o programa habitacional oferecido pelo Governo Federal, antes conhecido como Minha Casa, Minha Vida. A base e o funcionamento do projeto permanecem basicamente os mesmos, mas algumas mudanças foram aplicadas com o intuito de aprimorar a linha de financiamento. 

Vamos falar sobre as alterações ainda neste post, mas antes vamos compartilhar com você o passo a passo para comprar um imóvel com o Casa Verde e Amarela:

1. Confira se preenche os requisitos para participar

O Governo Federal criou o programa com o objetivo de facilitar o acesso à moradia para famílias com renda mais baixa, por isso um dos principais requisitos para participar é ter renda mensal familiar de até R$7 mil. 

Além da renda, o programa permite financiamento apenas para a compra de imóveis novos ou na planta.

2. Faça uma simulação

O próximo passo do processo é fazer uma simulação para encontrar a melhor opção de pagamento para você, tanto com relação ao valor das parcelas quanto ao prazo.
Com a simulação você consegue avaliar se o financiamento realmente proporciona condições vantajosas para o seu perfil e pode ter uma previsão de qual será a proposta de acordo com os seus dados.

3. Saiba em qual grupo se encaixa

Entender em qual grupo do programa você se encaixa é essencial para descobrir as taxas de juros praticadas. Assim como no Minha Casa, Minha Vida, o Casa Verde e Amarela faz uma categorização de acordo com a renda mensal para definir essas taxas. Confira como é a divisão:

  • Grupo 1: atende famílias com renda mensal de até R$2 mil;
  • Grupo 2: atende famílias com renda mensal entre R$2 mil e R$4 mil;
  • Grupo 3: atende famílias com renda mensal entre R$4 mil e R$7 mil.

Vale destacar que para moradores do Norte e Nordeste o limite do Grupo 1 é de R$2.600. Ainda neste post vamos contar quais são as taxas de juros para cada grupo, portanto continue acompanhando o conteúdo.

4. Apresente os documentos necessários

Simulação feita, é hora de dar entrada na solicitação do financiamento imobiliário. Para isso, você pode se inscrever diretamente com a construtora, na Caixa Econômica Federal ou por meio de uma entidade organizadora. 

Nesta etapa você entrega toda a documentação necessária para que a Caixa possa analisar os seus dados e avaliar se você tem condições de arcar com o pagamento das parcelas, assim como para definir taxas de juros e outros detalhes do seu financiamento. 

O comprovante de renda é um dos documentos mais importantes para a análise de crédito.

5. Aguarde a análise

Documentos entregues, é preciso aguardar a análise do banco. Se estiver tudo certo com a sua documentação, o financiamento será aprovado e você pode assinar o contrato para liberação do crédito.

O que mudou com o Casa Verde e Amarela?

  • Nova divisão de grupos

O Minha Casa, Minha Vida categorizava os beneficiários em quatro Faixas para definir as condições de pagamento de acordo com o perfil de cada um. No Casa Verde e Amarela, a divisão é feita por três Grupos, como já vimos aqui.
Confira como funcionavam as faixas antes para entender o que mudou:

  • Faixa 1: atendia famílias com renda mensal de até R$1.800
  • Faixa 1,5: atendia famílias com renda mensal entre R$1.800 e R$2.600
  • Faixa 2: atendia famílias com renda mensal entre R$2.600 e R$4 mil
  • Faixa 3: atendia famílias com renda mensal entre R$4 mil e R$7 mil.

Basicamente, a reformulação do programa habitacional unificou as Faixas 1 e 1,5: beneficiários com estes perfis agora se encaixam no Grupo 1. Vale destacar também que agora todos os grupos podem fazer a contratação de maneira individual, sem a necessidade de fazer uma inscrição na prefeitura como acontecia anteriormente para beneficiários da Faixa 1 no Minha Casa, Minha Vida.

  • Redução nas taxas de juros

A reformulação trouxe também uma redução nas taxas de juros. Entenda quais eram as taxas no Minha Casa, Minha Vida:

  • Faixa 1: não havia taxa de juros;
  • Faixa 1,5: taxa de 4,5% ao ano para cotistas do FGTS e de 5% ao ano para não cotistas;
  • Faixa 2: taxa de juros entre 5% e 6,5% ao ano para cotistas e entre 5,5% e 7% ao ano para não cotistas;
  • Faixa 3: taxa de 7,66% para cotistas e de 8,16% para não cotistas.

E agora como ficaram:

  • Grupo 1: taxa de 4,5% a 4,75% ao ano para cotistas do FGTS e de 5% a 5,25% ao ano para não cotistas;
  • Grupo 2: taxa de 5% a 6,5% ao ano para cotistas e de 5,5% a 7% ao ano para não cotistas;
  • Grupo 3: taxa de 7,66% ao ano para cotistas e de 8,16% para não cotistas.

As regiões Norte e Nordeste contam com taxas diferenciadas, que vão de 4,25% ao ano a 8,16% ao ano.

  • Subsídios

    O programa habitacional do Governo segue disponibilizando subsídios, que são valores concedidos para auxiliar na compra do imóvel. Este valor não é um empréstimo, portanto não é preciso devolvê-lo, ele servirá como um abatimento no seu financiamento.
    No Casa Verde e Amarela, o benefício está disponível para os Grupos 1 e 2, podendo chegar a até R$47.500 de acordo com o perfil de cada cliente.

Vantagens de comprar um imóvel com o Casa Verde e Amarela

Se você achou que as vantagens tinham acabado por aí, está muito enganado: o programa ainda guarda diversos benefícios.Confira abaixo alguns deles:

1. Se livre do aluguel

É claro que se livrar do aluguel é o sonho de muita gente, não é mesmo? Entretanto, comprar um imóvel é um investimento alto e acaba se tornando uma realidade difícil para a maioria dos brasileiros.

Com o Programa Casa Verde e Amarela, sair do aluguel fica muito mais fácil! As condições de pagamento facilitadas tornam o processo bem mais acessível e você pode fazer o investimento de acordo com as suas possibilidades financeiras, e muitas vezes ter o valor da parcela do seu imóvel próprio menor do que o seu aluguel.

Isso tudo com a vantagem de investir em um patrimônio totalmente seu e que vai se valorizar com o passar dos anos. Ao contrário do aluguel, você estará investindo em um bem que pode render um excelente retorno financeiro.

2. Taxas mais baixas e condições facilitadas

Além do prazo estendido (você pode quitar o imóvel em até 360 meses), é possível encontrar taxas de juros muito abaixo do mercado. Outro diferencial é a possibilidade de utilizar a renda familiar para aumentar o valor do imóvel. 

Para completar as condições especiais, você ainda pode conseguir um subsídio habitacional dependendo da sua renda mensal.

3. Possibilidade de usar o FGTS

O programa tem diversas facilidades para o pagamento além do prazo e taxas reduzidas. Uma delas é a possibilidade de utilizar parte do seu saldo do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). 

Você pode utilizar o saldo como entrada no financiamento, para amortizar prestações ou ainda para quitar o crédito imobiliário. Para isso é preciso estar dentro de algumas condições, como ter no mínimo três anos de contribuição e não ter um imóvel ou outro financiamento ativo em seu nome.

4. Atendimento personalizado

Uma das principais vantagens do Casa Verde e Amarela é o atendimento especializado ao cliente. Além da simulação e do esclarecimento de dúvidas com atendentes preparados, o programa oferece um canal exclusivo para conectar você com a construtora, mesmo após a finalização da compra.

Com o “Programa Caixa de Olho na Qualidade” você pode registrar problemas com o imóvel, tirar dúvidas e até conferir dicas para cuidar melhor do seu investimento. Todos os questionamentos são encaminhados aos construtores responsáveis para que a solução adequada seja executada.

Já deu para perceber que o Casa Verde e Amarela chegou para te ajudar a conquistar um grande sonho, não é mesmo? Agora que você já sabe tudo sobre o programa, mantenha a organização financeira e se planeje para garantir um investimento sem dor de cabeça. 

Aqui no blog da Cataguá você encontra outras dicas especiais que vão te ajudar em todas as etapas da realização deste sonho, não deixe de conferir!


Rolar para cima