Dicas para comecar a mobiliar a sua casa gastando pouco

Dicas para começar a mobiliar a sua casa gastando pouco

Agora que você realizou o sonho da sua casa própria, chegou outra parte importante: mobiliar todo o seu lar com os móveis que mais combinam com seu estilo! E se a gente te contar que dá para fazer isso gastando pouco? Melhor ainda, não é mesmo?

Esse momento é importante, pois você pode, finalmente, montar a casa do jeitinho que você sempre sonhou. Colocar a sua personalidade nos espaços é o que faz um imóvel se tornar um verdadeiro lar. 

Continue a leitura deste post para conferir dicas exclusivas sobre como mobiliar a sua casa gastando pouco.

Como mobiliar a sua casa gastando pouco?

A mobília da casa é a identidade que você dá para todo o ambiente. É uma forma de mostrar os seus conceitos e gostos pessoais, além de garantir um espaço mais confortável para que você possa viver bem com a sua família.

O ideal na hora de mobiliar a casa e montar toda a decoração é não pensar apenas na parte estética, mas também na funcionalidade dos ambientes e na qualidade dos produtos para evitar problemas no futuro. 

Fazer isso sem gastar muito dinheiro pode parecer uma tarefa difícil, mas vamos te provar que bastam algumas ações simples para montar uma casa linda e mesmo assim sem gastar muito dinheiro. Ao final deste post você vai perceber que dá para mobiliar e decorar o seu novo lar do jeitinho que você sempre imaginou.

O que comprar primeiro?

Antes de compartilharmos as dicas sobre como mobiliar a casa sem gastar muito, é preciso falar sobre os itens mais necessários para quem está de mudança. Muita gente acaba se perdendo nessa parte e é aí que mora o perigo de ultrapassar o orçamento.

Para evitar este problema é preciso se organizar, montar um planejamento e entender que você vai precisar não apenas comprar móveis para compor a casa, mas também eletrodomésticos essenciais para o seu dia a dia. Mas não se preocupe: é possível fazer tudo isso sem gastar uma fortuna e acabar contando moedinhas no final do mês. 

Quer saber como fazer isso? Comece anotando os itens que devem ser prioridades na sua lista de compras, confira os principais na lista abaixo:

  • Cama e colchão
  • Geladeira
  • Fogão
  • Panelas e louças
  • Sofá
  • Mesa e cadeiras

7 passos para mobiliar a casa gastando pouco

Antes de mais nada, é preciso destacar que você vai precisar de planejamento, muita pesquisa e um pouco de criatividade para encontrar soluções econômicas. Com isso você vai ver como é fácil mobiliar a casa gastando pouco sem abrir mão do conforto e da elegância. 

O primeiro passo é buscar inspirações e descobrir qual estilo você deseja seguir, depois é hora de partir para a parte mais prática e ir atrás dos melhores produtos. Para te ajudar no processo, temos 7 dicas especiais para mobiliar a casa gastando pouco, confira:

1. Faça um planejamento

Como já citamos, fazer um planejamento de tudo o que você deseja – e precisa – é essencial para começar a mobiliar o seu imóvel. Comece com os móveis e eletrodomésticos essenciais: aquela lista que nós compartilhamos com você logo no início deste conteúdo é uma ótima base. 

Fazer uma lista com as suas prioridades para adaptar as nossas sugestões vai ajudar a visualizar melhor todas as suas necessidades: comece pelo item que você considera mais importante e deixe por último aqueles itens supérfluos, que podem ser comprados depois.

Lembre-se também de incluir um planejamento financeiro para não gastar mais do que pode e acabar se endividando, afinal o objetivo aqui é economizar, certo? Esse ponto nos leva ao próximo item dessa lista para mobiliar a casa gastando pouco.

2. Procure promoções!

Depois do planejamento, chegou a hora de colocar a mão na massa e procurar os móveis que você deseja utilizar em casa. Uma excelente oportunidade para quem quer economizar é ficar atento às promoções e às lojas com móveis de ponta de estoque.  

Aqui não vale ter preguiça e nem ser muito apressado: pesquise preços e modelos diversificados de móveis e eletrodomésticos em várias lojas para encontrar o melhor custo-benefício. Na internet você consegue encontrar ótimos reviews de produtos para analisar melhor a qualidade e funcionalidade de cada modelo antes de finalizar a compra.

Falando em internet, não podemos deixar de falar sobre compras online, que vêm ganhando cada vez mais força e podem ser uma chance de encontrar produtos bem mais baratos – com a vantagem de não precisar sair de casa para isso. Confira se os móveis que você procura estão disponíveis, compare preços e avalie a reputação da loja antes de finalizar a compra.

3. Aposte em móveis usados

A utilização de móveis usados é uma ótima alternativa para economizar e criar uma decoração incrível sem gastar muito. Você pode encontrá-los em feiras, brechós e na própria internet em sites específicos ou até mesmo em grupos nas redes sociais. 

Outra ótima opção é garimpar alguns móveis com amigos e familiares: procure saber se eles têm alguma mobília parada em bom estado e aproveite as oportunidades. Até mesmo itens mais antigos podem ser bons complementos para montar uma decoração com aquele toque mais retrô, que tem sido uma forte tendência no mundo do design de interiores. 

Os móveis usados podem te surpreender e são bem mais baratos, oferecendo ainda a opção de restaurá-los para criar itens ainda mais personalizados. Um detalhe importante: preste atenção no estado de conservação do móvel, considerando o custo-benefício da peça, e sempre busque lugares confiáveis para investir o seu dinheiro.

4. Invista em móveis multifuncionais

Caso queira um ambiente harmonioso e espaçoso, a dica é apostar nos móveis que tenham mais de uma função. Além de economizar muito espaço na casa e deixar os ambientes mais funcionais, eles trazem muito mais economia também para o seu bolso. 

Esses móveis oferecem mais de uma função, portanto você pode adquirir dois produtos pelo preço de um, basicamente. Grande parte dos móveis multifuncionais apresentam um valor bastante acessível, mas é sempre importante realizar aquela pesquisa para analisar o custo-benefício de cada item. 

Um dos móveis que pode fazer total diferença na sua casa são as camas baús: elas servem para guardar livros, sapatos, roupas e diversos itens, ajudando na organização. Um sofá-cama também pode ser uma ótima opção, principalmente se você costuma receber visitas em casa.

5. Crie os seus próprios móveis

Se quiser dar uma identidade única para o seu imóvel e ainda economizar mais dinheiro, a dica é se jogar no famoso DIY – Do It Yourself ou “Faça Você Mesmo”, em português – e criar a sua própria mobília. Neste momento, você pode pedir ajuda para a sua família e transformar o processo em algo bem divertido. 

No Pinterest e no YouTube você consegue encontrar uma série de tutoriais criativos que vão desde os mais simples até os mais complexos: pesquise inspirações e adapte os detalhes de acordo com os materiais que você tem em casa. Aproveite para procurar algumas dicas de itens decorativos para complementar os espaços do seu novo lar. 

Ah, você também pode encontrar vários truques para deixar a sua casa mais aconchegante e sofisticada sem precisar investir em itens caros de decoração. Usar espelhos em posições estratégicas vai ajudar a criar uma sensação de amplitude no cômodo, por exemplo.

6. Considere o espaço do imóvel

Na pressa de mobiliar a casa, muita gente acaba comprando tudo sem se atentar ao tamanho e ao layout dos cômodos. O resultado disso pode ser um grande prejuízo financeiro: os móveis podem ser grandes ou pequenos demais para o espaço, tirando o equilíbrio da decoração e ainda atrapalhando a circulação da casa. 

Assim se vai o dinheiro que poderia ter sido investido de maneira mais assertiva com um pouco de planejamento e paciência. A boa notícia é que você pode evitar esse prejuízo, garantindo o conforto e a funcionalidade de uma maneira bem simples: é só medir os cômodos para comprar móveis do tamanho certo e ter em mente a decoração que deseja criar, assim você sabe exatamente o que procurar nas lojas.

7. Tenha paciência

Mobiliar a casa é um processo que exige paciência e muita pesquisa, como falamos no início deste post. É preciso tempo para encontrar todos os móveis e eletrodomésticos que você deseja, assim como para analisar o melhor custo-benefício para você. 

O planejamento e a pesquisa vão te ajudar a manter o foco, evitando que você ultrapasse o seu orçamento. A dica é se organizar para comprar os móveis e os eletrodomésticos aos poucos, sempre analisando a relevância de cada item para evitar gastos desnecessários.

 

Com essas dicas é possível criar ambientes incríveis e funcionais, mas vale reforçar a importância de ter um planejamento, uma lista de prioridades e um valor estipulado para conseguir realizar tudo o que tem vontade sem sofrer com o aperto financeiro depois.

Agora é só pesquisar por aí e colocar as nossas dicas em prática para começar a colocar personalidade no seu novo lar. Aqui no blog da Cataguá você encontra outros passos para criar uma decoração linda sem gastar muito, aproveite para conferir!


Rolar para cima