vantagens minha casa minha vida 10 motivos para escolher o programa 1

Vantagens Minha Casa Minha Vida: 10 motivos para escolher o programa!

O programa Minha Casa Minha Vida que atualmente se chama Casa Verde e Amarela, criado pelo Governo Federal, é uma excelente alternativa para conquistar a casa própria. As condições de pagamento diferenciadas facilitam a realização deste sonho para muitos brasileiros e você pode ser um deles!

Se você ainda está em dúvida sobre financiar um imóvel com o programa, este post vai te ajudar a tomar uma decisão: listamos 10 vantagens Minha Casa Minha Vida que fazem toda a diferença na hora de comprar um imóvel.

Continue a leitura deste conteúdo com a gente para conhecer os principais benefícios do programa e entender melhor como ele funciona. 

Como funciona o Minha Casa Minha vida?

Com 10 anos de Minha Casa Minha Vida, o sonho da casa própria ficou muito mais próximo para boa parte dos brasileiros. O programa criado pelo governo federal nada mais é do que um financiamento para compra de imóveis com condições diferenciadas de pagamento.

O objetivo do programa é ajudar a população de baixa renda a sair do aluguel e conquistar a casa própria sem prejudicar a renda mensal da família para isso, proporcionando prazos de pagamento maiores, juros mais baixos e parcelas que cabem no bolso.

Nós explicamos melhor: o programa Minha Casa Minha Vida financia o seu imóvel e, dependendo da sua renda mensal, pode até pagar uma parte dele para você por meio de subsídios fornecidos pelo governo. 

Ok, mas como faz para participar do programa? Bom, o primeiro passo para comprar casas Minha Casa Minha Vida é preencher alguns requisitos. Olha só quais são eles:

  • Ter renda mensal familiar de até R$7 mil
  • Não ter um imóvel próprio ou um financiamento imobiliário em seu nome
  • Não ter sido beneficiado por outro programa habitacional do Governo
  • Não ter o nome restrito

Vale lembrar que é possível fazer uma composição de renda familiar, somando a renda mensal bruta de todos os integrantes da casa para conseguir financiar imóveis com valores mais altos. 

Por outro lado também é importante ressaltar que o programa é dividido em Faixas definidas de acordo com a renda: quanto mais baixa a renda, menores são as taxas de juros e parcelas, por exemplo. Para se inscrever é preciso procurar a Caixa, o Banco do Brasil ou entrar em contato com uma construtora parceira do programa.

Essa regra de inscrição só muda para os beneficiários que se encaixam na Faixa 1 do Minha Casa Minha Vida. Nestes casos é preciso procurar a prefeitura da cidade ou uma entidade organizadora para se inscrever e aguardar informações sobre a data do sorteio e da assinatura do contrato. 

Conheça as vantagens do programa Minha Casa Minha Vida!

Já falamos sobre os requisitos para solicitar o benefício e sobre os procedimentos para fazer a inscrição, então que tal conhecer os principais benefícios do programa com todos os detalhes?

Nós sabemos que a compra da casa própria é um grande investimento e uma das decisões mais importantes da sua vida, por isso listamos 10 ótimos motivos para você optar pelo Minha Casa Minha Vida na hora de conquistar o seu imóvel dos sonhos. Se você ainda está em dúvida sobre o financiamento imobiliário, dá só uma olhada nessa lista:

1. Taxas e juros são bem menores

As taxas e juros representam o pagamento do empréstimo feito pelo banco para que você possa comprar um imóvel. Este valor é acrescido nas parcelas mensais do financiamento, mas no Minha Casa Minha Vida ele é bem mais baixo.

Os custos dessas taxas são definidos de acordo com as faixas do programa – que nós vamos conhecer melhor no próximo tópico. Assim quem tem renda menor, paga juros menores. 

Com o Minha Casa Minha Vida, as taxas e juros variam de 5% a 8% ao ano. Quando comparamos com outras linhas de financiamento podemos ver uma grande diferença e o bolso agradece a economia, não é mesmo?

2. A renda necessária é mais acessível

O grande objetivo do programa é tornar o sonho da casa própria mais acessível para todos os bolsos, por isso a renda necessária para conseguir o financiamento é bem menor do que a solicitada em outras linhas de crédito imobiliário.

Lembra das faixas que nós citamos no item anterior? Então, elas são definidas pela renda e é a partir delas que outros fatores como prazo de pagamento e valor das parcelas são determinados. 

Entenda os valores para cada faixa:

 

  • Faixa 1: para famílias com renda de até R$1.800
  • Faixa 1,5: para famílias com renda de R$1.800 a R$2.600
  • Faixa 2: para famílias com renda de R$2.600 a R$4.000
  • Faixa 3: para famílias com renda de até R$7.000

 

3. Você conta com condições facilitadas para a entrada

Para todo financiamento é preciso dar um valor de entrada como uma forma de garantia da sua intenção de adquirir o imóvel. Esse pagamento é subtraído do valor total do financiamento e o restante é pago em parcelas. 

Em outros financiamento, o número médio para entrada costuma ser de 30% do valor total do imóvel, mas no programa Minha Casa Minha Vida essa entrada é facilitada e de acordo com o seu perfil financeiro.

4. Você tem prazos maiores para pagamento 

Quando você fecha um financiamento é preciso definir um tempo para o pagamento da dívida. Para facilitar o processo e evitar uma possível renegociação, a Caixa oferece um prazo bem estendido para quitar o valor financiado.

Se você optar pelo programa da Caixa terá até 35 anos – correspondente a 420 meses – para pagar o seu financiamento. Bastante tempo, certo? Assim fica mais fácil pagar as parcelas sem prejudicar a sua renda mensal.

Apesar dessa grande vantagem, vale ressaltar que a idade de quem solicita o benefício interfere na determinação deste prazo. Para conseguir o financiamento, a soma da sua idade com o tempo para pagamento não pode ultrapassar 80 anos. 

5. Parcelas mais baixas

Os prazos estendidos para o financiamento também contribuem para outro benefício importante: parcelas bem mais baixas e acessíveis. Além disso, a prestação deve ser de até 30% do valor da renda mensal familiar.

Isso ajuda a ter um controle maior dos gastos sem afetar a sua renda mensal e prejudicar a sua vida financeira. 

6. Você pode usar o saldo do FGTS 

É isso mesmo: é possível usar o FGTS para comprar imóveis e essa pode ser uma grande ajuda na conquista da casa própria. No caso do Minha Casa Minha Vida, você pode utilizar seu saldo para amortizar ou até mesmo liquidar a sua dívida.

Ou seja, é possível usar o FGTS para pagar parte do financiamento por até 12 meses consecutivos e assim suavizar as parcelas restantes ou ainda pagar o saldo devedor por completo. 

7. Os subsídios podem ser aquela ajudinha que faltava

Dependendo da faixa em que você se encaixa no programa Minha Casa Minha Vida, é possível receber um auxílio para o pagamento do imóvel. Os subsídios te ajudam a comprar a casa própria mesmo quando o preço está acima da sua possibilidade financeira.

O valor do benefício varia de acordo com a renda mensal bruta, mas é possível fazer uma simulação no site da Caixa para ter uma ideia de quanto você poderia receber. 

8. É a chance de comprar imóveis novos com condições acessíveis

Você sabia que os imóveis financiados pelo Minha Casa Minha Vida precisam ser novos ou na planta? É isso mesmo: você conta com todas essas vantagens de pagamento facilitado para comprar uma casa novinha! 

Comprar uma casa ou um apartamento novo tem muitos benefícios. Além de contar com um projeto mais moderno, você pode ter uma valorização muito maior do imóvel no futuro.

Outro ponto positivo é a redução de gastos com manutenção, já que os imóveis antigos costumam apresentar mais problemas estruturais e quase sempre precisam de reformas. 

9. A Caixa oferece atendimento por correspondentes

Ninguém quer precisar ir a uma agência bancária toda vez que tiver uma dúvida ou um problema com o financiamento, certo? Por isso a Caixa resolveu facilitar o atendimento a partir de empresas credenciadas para prestar esse serviço.

Portanto, se você precisar resolver alguma questão referente ao seu financiamento, não terá mais que se preocupar com as filas nos bancos: é só encontrar o correspondente mais próximo de você e pronto! 

10. Você pode conseguir descontos com as despesas de cartório

As despesas com cartório não são baratas, mas fazem parte da aquisição de um novo imóvel e do processo de financiamento. Não dá para fugir da parte burocrática, mas com o Minha Casa Minha Vida é possível torná-la mais fácil e barata. 

Isso graças a lei 11.977/2009, que determinou a possibilidade de conseguir descontos com os gastos cartoriais para quem financia um imóvel através do programa da Caixa. Lembre-se de consultar esse benefício ao fazer a sua simulação. 

São muitos benefícios para te ajudar a conquistar a casa própria, não é mesmo? Como te contamos ao longo deste conteúdo, algumas regras do Minha Casa Minha Vida variam de acordo com as quatro Faixas do programa, por isso é importante fazer uma simulação para encontrar as melhores condições de financiamento para você. 

 

 


Rolar para cima